Parlamentares celebram eleição de Mara Gabrilli para comitê das Nações Unidas


Durante conferência em Nova Iorque, a tucana foi escolhida para ser a primeira representante brasileira no grupo.

Deputados e deputadas do PSDB comemoraram a eleição de Mara Gabrilli (SP) para o Comitê da ONU sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência. Durante conferência em Nova Iorque, a tucana foi escolhida para ser a primeira representante brasileira no grupo. Os colegas de bancada ressaltaram a força, o empenho e a dedicação de Mara em prol dos direitos das pessoas com deficiência.

Reproduzir

Em reunião na tarde desta terça-feira (12), deputados do PSDB prestaram homenagem a Mara. O líder do PSDB na Câmara, Nilson Leitão (MT), ressaltou a conquista. “Tetraplégica em função de um acidente de carro, a deputada Mara Gabrilli é uma referência mundial na defesa das pessoas com deficiência. Ela foi relatora da Lei Brasileira de Inclusão, norteada pela Convenção da ONU. Ela é um orgulho e uma inspiração para todos nós”, destacou. 

Mara Gabrilli será 1ª representante do Brasil no Comitê da ONU sobre Direitos das Pessoas com Deficiência

Pelo Facebook, Mara Gabrilli agradeceu o apoio recebido e comemorou a eleição para um mandato de quatro anos no comitê. “Tendo sido a relatora da Lei Brasileira de Inclusão, que regulamentou a convenção da ONU, estou muito feliz de levar nosso país para fazer trocas de boas experiências com outros países e colocar o Brasil em um patamar diferenciado no que diz respeito à inclusão da pessoa com deficiência”, disse.

O presidente da Comissão de Relações Exteriores, Nilson Pinto (PA), recebeu com alegria a notícia da eleição de Mara para o comitê. Ele ressaltou que apenas uma mulher integra o colegiado atualmente, a alemã Theresia Degener. Segundo ele, a conquista de Mara é uma inspiração para todos. “O resultado representa uma vitória pessoal da Mara Gabrilli e de sua luta em defesa das pessoas com deficiência; do Brasil, que atuou de forma integrada para conquistar os votos necessários; e das pessoas com deficiência de toda a nossa região que agora ver-se-ão representadas”, declarou.

A eleição de Mara marca um dia importante para os brasileiros, reforçou a deputada Bruna Furlan (SP). Bruna lembrou o histórico de Mara na luta pelos direitos das pessoas com deficiência, inclusive na presidência da comissão que trata do assunto na Câmara. “Mara transforma a vida das pessoas com sua força, sua luz. É um orgulho para mim, que fui presidente da CREDN em 2017, e trabalhamos juntas na construção dessa pré-candidatura”, afirmou.

Mara foi uma das defensoras da adaptação do plenário, realizada em 2014, para que pessoas com deficiência ou dificuldade de locomoção pudessem subir à tribuna e à Mesa Diretora. No ano seguinte, a tucana foi eleita 3ª secretária da Mesa.

 O deputado Floriano Pesaro (SP) afirmou que a escolha de Mara é uma vitória para todos os brasileiros. “Parabéns à Mara por nos representar nas Nações Unidas, e parabéns ao PSDB, por acolher uma deputada com esse compromisso com o interesse público”, completou.

Em nota oficial, o Itamaraty afirmou que a eleição de Mara reflete o compromisso do país com o tema, demonstrado pelos esforços e avanços das políticas nacionais para a promoção dos direitos das pessoas com deficiência. O ministro Aloysio Nunes Ferreira parabenizou a tucana pelo Twitter. “Depois de uma campanha brilhante em uma eleição extremamente competitiva, Mara Gabrilli foi eleita com votação expressiva para representar o Brasil no Comitê sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência da ONU. A deputada contou com o apoio do governo e do Itamaraty”.

Nota do Itamaraty:

Eleição de Mara Gabrilli para o Comitê sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência

A deputada federal Mara Gabrilli foi eleita, hoje, em Nova York, para uma vaga de perito do Comitê da ONU sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência (CDPD), mandato 2019-2022, durante a 11ª Sessão da Conferência dos Estados Partes da Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência. A deputada será a primeira representante do Brasil no CDPD. Os nove peritos eleitos atuarão a título pessoal, monitorando a implementação da Convenção e formulando recomendações gerais em benefício dos direitos das pessoas com deficiência.

A eleição da candidata brasileira reflete o compromisso do país com o tema, demonstrado pelos esforços e avanços das políticas nacionais para a promoção dos direitos das pessoas com deficiência. O Brasil tem se engajado em favor da regulamentação e implementação dos compromissos assumidos com a ratificação da Convenção, que preconiza que as pessoas com deficiência sejam protagonistas de sua emancipação e cidadania, “sem deixar ninguém para trás”, como determinado na Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

O Governo brasileiro agradece a confiança depositada pelos Estados membros em Mara Gabrilli e reitera a certeza de que, no cumprimento de seu mandato, ela desempenhará suas atividades com competência, dedicação e diálogo, contribuindo de maneira substantiva para a proteção e promoção dos direitos humanos de todas as pessoas com deficiência em todos os lugares do mundo.

Nota do presidente da CREDN, deputado Nilson Pinto (PA):

“Saúdo com enorme alegria e satisfação, a eleição da deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), para a Comissão da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, responsável por monitorar a implementação da Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência. A eleição foi realizadas nesta terça-feira, 12, em Nova Iorque por ocasião da 11ª Conferência dos Estados Partes da Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e a nossa amiga recebeu 103 votos após ter sido a segunda mais votada na primeira rodada. Na oportunidade, foram eleitos nove representantes para o período 2019 – 2022. A deputada Mara Gabrilli representará a América Latina e o Caribe que hoje conta com apenas um representante no Comitê. Além disso, apenas uma mulher, a alemã Theresia Degener, integra o Colegiado, mas cujo o mandato está sendo concluído neste ano. O resultado representa uma vitória pessoal da Mara Gabrilli e de sua luta em defesa das pessoas com deficiência; do Brasil que atuou de forma integrada para conquistar os votos necessários; e das pessoas com deficiência de toda a nossa região que agora ver-se-ão representadas. Parabéns Mara Gabrilli, sua conquista é inspiradora!!”

(Da redação/ Foto: Alexssandro Loyola)

Compartilhe:
12 junho, 2018 Banner, Últimas notícias Sem commentários »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *