Para deputados, Carteira de Habilitação Digital diminui burocracia e facilita vida dos motoristas


Deputados do PSDB acompanharam nesta terça-feira (10) o lançamento da Carteira Nacional de Habilitação Digital, que traz maior mobilidade, praticidade e comodidade aos motoristas brasileiros. O evento ocorreu na sede do Ministério das Cidades, comandado pelo deputado federal licenciado Bruno Araújo (PSDB-PE). Na prática, significa que a CNH agora poderá estar presente no celular de cada condutor, dispensando o uso do documento em papel.

MENOS BUROCRACIA

Na avaliação dos parlamentares, a medida está em sintonia com o universo digital que marca a vida dos cidadãos brasileiros. É menos burocracia, filas e gasto de papel. O processo de implantação do novo sistema começou por Goiás, comandado pelo tucano Marconi Perillo, mas a CNH-e estará disponível para os motoristas de todo o país até fevereiro do ano que vem, seguindo determinação do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Presente ao evento, Perillo agradeceu ao ministério por reconhecer no Detran-GO as condições para ser o pioneiro neste importante programa.

Presidente do PSDB-GO, o deputado Giuseppe Vecci (GO) disse que o gesto do ministério mostra a importância do esforço de inovação que Goiás tem feito em busca de um governo cada vez mais tecnológico e digital. “Acredito que hoje começamos com a carteira de motorista, mas, em breve, teremos um documento único que vai incorporar não só ela, mas a identidade, o passaporte e outros documentos”, ressaltou o tucano, que acompanhou a cerimônia.

Reproduzir

“O brasileiro vai poder se identificar de forma inovadora e válida em todo território nacional. Damos um passo à frente, desburocratizando o processo de identificação, de forma virtual e segura”, ressalta Bruno Araújo.

Para Nilson Pinto (PA), trata-se de um instrumento que vai facilitar “tremendamente” a vida dos motoristas, ao possibilitar a portabilidade de um documento fundamental. “Agora a CNH poderá ser exibida em qualquer tempo e em qualquer lugar pelo celular”, elogiou o tucano, que lembrou a possibilidade de a carteira de motorista ser reconhecida como documento de identificação no país. Nilson ressaltou, ainda, que tanto Bruno quanto Perillo são tucanos, em uma demonstração da capacidade de gestão do PSDB.

Também presente, Marcus Pestana (MG) avaliou que este novo instrumento vai ao encontro dos anseios da sociedade, que espera cada vez mais eficiência dos governos. “A CNH-e representa menos burocracia e menos papelada. Ganham todos os cidadãos”, ressaltou. Segundo ele, a parceria do ministério com Goiás mostra como Perillo faz uma gestão inovadora e sintonizada com os princípios contemporâneos de administração pública.

Para Nilson Leitão (MT), no mundo digital é preciso reduzir o uso de papel. “A medida tem um impacto muito importante, abrangendo aspectos como a questão ambiental e a comodidade. O Ministério das Cidades faz um golaço. Bruno Araújo tem modernizado a gestão e está de parabéns. Tenho certeza de que isso chegará em breve ao certificado de veículos. Quem ganha é o usuário”, apontou.

“Hoje estamos dando mais um passo fundamental”, disse o ministro, ao lembrar que o Brasil já tinha inovado antes com a urna eletrônica. Para garantir o acesso, o Serpro, empresa de tecnologia da informação do governo federal, desenvolveu um aplicativo específico para o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). O app estará  disponível para os principais sistemas operacionais.

TIRE SUAS DÚVIDAS

(Reportagem: Marcos Côrtes com Ministério das Cidades/fotos: Rafael Luz/MCidades e José Cruz/Agência Brasil/Áudio: Hélio Ricardo)

Compartilhe:
10 outubro, 2017 Últimas notícias Sem commentários »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *