Remédio amargo


Vellozo Lucas diz que aumento dos juros cria desequilíbrio na economia e desestimula investimentos

O deputado Luiz Paulo Vellozo Lucas (ES) disse nesta quinta-feira (20) que o governo da presidente Dilma Rousseff usou “a última arma” contra a inflação por ter elevado em 0,5 ponto a taxa básica de juros (Selic) de 10,75% para 11,25% ao ano. O aumento ocorreu na primeira reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) e na estreia do novo presidente do BC, Alexandre Tombini. Para o tucano, esse é um sinal de que Dilma, quando ocupou o cargo de Ministra da Casa Civil, não tomou medidas para controlar o gasto público e, por isso, agora precisa aumentar a taxa de juros.

“Se ela não conseguiu executar as reformas estruturais, a única coisa a fazer contra a inflação é aumentar a taxa de juros. No curto prazo é eficaz, mas isso contribui para a valorização do real e gera desequilíbrio geral da economia, que padece com um custo Brasil muito alto. Taxa de juros alta também significa desestímulo ao investimento”, avaliou.

De acordo com o  jornal “Folha de S. Paulo” a expectativa do mercado é que o juro volte a subir nas duas próximas reuniões do Copom, em 2 de março e 20 de abril. A ideia do Copom seria fechar o ano com uma taxa de 12,25%. A taxa só voltaria a cair em 2012. A inflação, de acordo com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), fechou 2010 em 5,9%, maior patamar em seis anos, acima da meta de 4,5% fixada pelo governo.

Vellozo Lucas argumenta ainda que este aumento demonstra que o governo Dilma não quer fazer as reformas necessárias para baixar os custos do governo federal. “Mostra que neste primeiro momento, o governo não tem resultados na área estrutural, no corte de gastos e no aumento da eficiência”, afirmou. O parlamentar acredita ser também preocupante a declaração da presidente Dilma Rousseff de que não vai lidar no início do mandato com as reformas tributária, trabalhista e previdenciária. Segundo o deputado, essas reformas exigem uma forte liderança do governo e muita disposição.

Reproduzir
baixe aqui

(Reportagem Artur Filho/Foto: Eduardo Lacerda/Áudio: Elyvio Blower)

Compartilhe:
20 janeiro, 2011 Últimas notícias Sem commentários »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *